Your world of Wpdance.com, Wpdance.com by WpDance

Home » Manuscritos » Fantasia » Os Guerreiros da Alvorada – Livro Um – Pôr do Sol
19 Nov 2013

Os Guerreiros da Alvorada – Livro Um – Pôr do Sol

Postado por em Fantasia, Manuscritos, teste 121 0

Galerinha, abaixo segue o prólogo de meu livro, que se trata de uma possível guerra entre anjos e demônios. Há grandes batalhas, romances, sociedades secretas e guerreiros alados. Em breve postarei o primeiro capítulo. Espero que gostem!

——————————————————————————————-

Capa do Alvorada - testes.jpg 1

Os Guerreiros da Alvorada

Pôr do Sol

Livro Um

Prólogo

 Relato de Jesus

     No início havia apenas o vazio e nele, solitário, vivia Jumala. Porém, num surto de energia originado pela agonia de sua solidão, o Ser se expandiu e explodiu em luz. Tal energia criou o universo e todos os seus planetas, estrelas e galáxias.

     Um planeta em especial atraiu a atenção do que restava de Jumala, e, apesar de todas aquelas estrelas e planetas, Ele ainda se sentia sozinho. Até cogitou a possibilidade de criar outros seres semelhantes. Então o Ser conjurou tamanha quantidade de energia que demorou um dia inteiro, nas contas antigas, para que a Terra fosse abastecida com duas substâncias distintas: água e terra, cuja combinação formava o barro do qual se ergueram centenas de seres que mais tarde vieram a ser chamados de humanos.

     Outras formas de vida também nasceram dessas duas substâncias, tais como animais e plantas, mas eles viviam na escuridão total e por isso a criação desandou, pois os humanos se dividiam e guerrearam pela posse de alimento e poder sobre seus semelhantes. Dessas guerras nenhum humano sobreviveu e então Jumala, que estava se culpando por tal, aperfeiçoou sua criação, fazendo nascer um casal de humanos mais belos e de bom coração. Deu-lhes parte de sua luz, a qual ficou conhecida como alma ou essência e criou seres alados para tomarem conta da Terra, os quais foram chamados de arcanjos, que no total eram nove: Lúcifer, Metatron, Miguel, Arianna, Maael, Natanael, Gabriel, Ezequiel e Rafael. Esses foram para um lugar chamado Paraíso e de lá observaram os humanos, cuidando para que não caíssem em desgraça.

     Porém, os humanos se multiplicaram por ordem de Jumala e então os arcanjos não deram mais conta da boa aventurança dos residentes da Terra. Então Lúcifer, o mais sábio dos alados, sugeriu para o Criador dar a vida a mais seres alados para os ajudarem. O Pai de todos, que foi chamado de Deus, o Um, criou mais seres como lhe foi pedido, contudo, Ele estava cansado e com pouca energia. Então os seres que foram criados eram um tanto mais fracos, apesar de mais numerosos e foram chamados de anjos.

     Jumala ainda sentia que faltava algo e quando observou a escuridão da Terra, Ele soube o que fazer.

     O Pai criou o Sol e a Lua, iluminando aquele planeta vasto e belo, e após tantas criações, Jumala desmaiou e caiu em um sono profundo num leito luminoso num grande templo no Paraíso, o chamado Templo da Vida.

Este é um relato dos dias antigos, escrito por Jesus, o Profeta, como é conhecido entre familiares. O pergaminho onde está escrito o relato foi encontrado no dia 21 de dezembro de 2012 por um arqueólogo. Mas quem garante que essa seja a verdade? E se ela for muito mais complexa e escura que até mesmo Jesus precisou mentir para os Herdeiros da Escuridão, como são chamados os humanos, vivessem em paz? Não há como saber… Aparentemente.

 

 

 

 

Ass.: H. Mendes.

Espero que tenha gostado…

Curta ai, cadastre-se no site na coluna à esquerda e comente, sua opinião é importante para crescermos!

#Escrevasuahistória

——————————————————————————————-

Facebook Manuscritos Coletivos | @Hmendes18 | @ManuscritosColet |

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Leave Your Comment

Your name *

Your website

Your comment *

* Required Field

  • Siga-nos no TWitter

  • Entre Linhas

    Teste

    Teste

    teste

    teste

    teste

    teste

Email
Print